quarta-feira, 14 de junho de 2017

A Becas a Maria Papoila e a Rosinha

Mesmo adoentada, vai tendo sempre motivação para fazer os seus bonequitos, diz que não sabe estar parada, então nasceram mais estes.

Apesar de não estar com o astral certo para tirar fotos, aqui vos deixo mais uma série de 3 bonecos, a Becas, a Maria Papoila e a Rosinha.


A Becas


A Maria Papoila



A Rosinha






quarta-feira, 31 de maio de 2017

Bolsa Botões

A saga das bolsas não param de ser solicitadas, já não sei muito por onde inventar, pois os tecidos já começam a escassear, mas lá idealizei esta.

A dona ficou muito contente , pois é muito útil para colocar os projectos em mãos e lá foi ela.


Muito simples de executar, tecidos cortados, renda cozida e botões forrados.




Os bolsitos não podem faltar, dão sempre imenso jeito para as peças mais pequenas que queremos encontrar no fundo e nunca as vimos.



quinta-feira, 18 de maio de 2017

MALA AMERICANA

Idealizei esta mala com este tecido meio americano, estava a contar colocar estes botões dentro do mesmo género na pala da mala, mas achei um pouco pesado, então acabei por retirar isso da tola e aplicar apenas uns pins e nada mais, penso que ficou mais leve e simples.












Elaborei dois bolsos que dão sempre imenso jeito, nem que seja para colocar tralhas evitando que fiquem espalhada pela mala.





Levei-a a passear até ao jardim, num dia de invernia total, que horror!


Espero que tenham gostado !

quarta-feira, 3 de maio de 2017

Bolsa Kori Kumi

Quando vi este tecido fiquei apaixonadíssima pelos painéis, não podia deixar de o adquirir, mas nem tão pouco sabia o que ia fazer com ele. 

Pensei mais tarde, elaborar alguma coisa para oferecer a uma pessoa muito especial, a minha querida amiga  Drª Sílvia Saraiva, não para a presentear a si própria mas para a sua filhota linda. Sei que ainda não tem idade para a usar, mas certamente irá usar dentro de breves meses.








Em tempos tinha visto estes botões do alfabeto, simplesmente fiquei rendida, e quando idealizei esta bolsa não era propriamente neste sítio que queria colocar, mas como tudo, penso mil e uma maneira e acabo por fazer sempre diferente do que penso inicialmente, mas pronto, até deu o seu toque de graça. 


Elaborei um saco, nada de complicado, cozi lateralmente e em baixo, cortei com a tesoura de ondinhas e lá seguiu viagem.




quarta-feira, 19 de abril de 2017

Bolsas Rosinhas

Pensar, cortar, idealizar e pôr em prática, por vezes não é tarefa fácil , e mais ainda quando estamos limitadas ao que temos e ao que nos pedem.
Gosto mais de fazer por livre prazer sem olhar a medidas, feitios e tecidos, mas desta vez tive condicionantes ... então vamos lá!




Pediram-me uma carteira que desse para cartões e moedas, não querendo fazer a tradicional carteira com o fecho da avó, fiz esta que nem sei bem se o nome é Tec Tec ou Pec-Pec.
Achava eu que era complicado fazer porque não percebia muito bem como o sistema funcionava, mas é super fácil e rápida de executar.



Esta bolsa depois de pronta, foi alterada, a dona preferiu uma flor em tecido no sitio da etiqueta , feito á mão, mas acabei esquecendo de tirar foto.


O meu segundo necessaire, não me saiu nada mal, mas confesso que tenho que treinar muito mais, pois levo uma eternidade a fazer, já para não falar que parti uma agulha.







Espero que as donas tenham gostado destes modelitos.

terça-feira, 4 de abril de 2017

Écharpe Olívia

Mais um Écharpe que nasceu, desta vez bem diferente do outro que podem ver aqui. Este iniciei na vertical, elaborei duas partes e cerzi no meio, pensei que fosse uma tarefa complicada visto a lã ser muito fina, mas resultou na perfeição não podia exigir mais e também porque tive uma boa professora.

Como habitual lá fiz com lã Olívia da qual sou fã incondicional, acho que não fica nada pesado é uma peça que é muito mais um acessório do que quente, lá isso é, e eu adoro!

Olívia  55% Lã Merino - 45% Algodão

Desta vez convido-os a visitar o PALÁCIO DE ESTOI! É lindo demais!! Eu não conhecia, mas fui tendo conhecimentos por amigas que divulgaram o sítio e fiquei rendida, foi curto o tempo que por lá passei , mas trouxe comigo muitas recordações e senti-me uma gaiata num Palácio de Reis e Príncipes.



CAPELA 






Quando a funcionária me disse que lá em cima existia um piano, fiquei em pulgas, e lá fui eu pelas escadas acima com um medo terrível de dar um pimparote, mas venci o medo, e descobri esta obra de arte maravilhosa.



PASSEANDO PELOS JARDINS








CASA DA CASCATA


AS TRÊS GRAÇAS



Estes painéis azuis são a minha perdição.








SALÃO NOBRE

As soleiras das portas , uma maravilha!








Um encanto estes tectos.
















AS FONTES DECORADAS COM NINFAS



BUSTOS EM CERÂMICA EM REPRESENTAÇÃO DE GRANDES HERÓIS 










Sei que me excedi nas fotos, mas é como eu digo, um arquivo para mais tarde recordar.
Espero que tenham gostado!