terça-feira, 22 de maio de 2018

Bolsa Joaninhas

Por vezes não é fácil encontrarmos os tecidos que idealizamos, mas como vou sempre fazendo outras coisas pelo meio, vou esperando até que chegue esse dia.

E finalmente chegou! Vi  este tecido de joaninhas online e não resisti, ainda estava a sair do pacote e já estava a idealizar o que ia fazer com ele.

As donas nem tinham visto o projeto e já estavam a dizer que queriam, isto é que é confiança ehehe...



Não querendo fazer as duas sacolas iguais, alterei só um pouco os tecidos e na realidade nem sei qual delas é a minha preferida, gosto das duas , cada uma à sua maneira.









Tão fofa que ficou! Sempre dá para  a Emma levar os bonequinhos aconchegados na sacola, para a escola ou simplesmente passear com ela.



terça-feira, 8 de maio de 2018

Anjos

Mais um projecto da minha mãe, desta vez presenteou-me com esta dupla de bonequitos que eu apelidei de anjos, são tão fofos.

A serio que eu fico mesmo deslumbrada com tanto pormenor que ela faz muito bem dentro das suas limitações oculares.

Venham daí regalar a vista com estas imagens.


As cores estão muito claras, não gosto de fotografar com muito sol, pois faz reflexos e parece que não realça as cores.




Estes olhares maravilhosos. Adorei do resultado.






Aumentando a colecção!

terça-feira, 17 de abril de 2018

Écharpe Gomtolo 200

Dois novelos era o que tinha em conta para este projeto, mas após ter feito o pagamento online, chegou o aviso de que só haveria um em stock, como fiquei apaixonada pela cor, não desisti, no entanto comecei logo a imaginar um plano B caso tivesse de alterar o projeto.

Um belo dia chega-me a São Cruz, amiga/colega do grupo "Tricotar em Grupo" com um novelo igual, dei pulos de alegria! Era precisamente a mesma tonalidade e a mesma série do novelo que eu já tinha! Depois desta enorme coincidência comecei a ferro e fogo a dar andamento ao projeto que tinha idealizado inicialmente!

Ora vamos lá dar uma olhadela.


A sessão fotográfica realizou-se nas Caldas de Monchique.






Capela que remota ao ano de 1940. No interior, podem ser encontrados vários painéis de azulejos do Século XVIII, representando a vida da Santa Teresa.
Não tive a sorte de estar aberta para fotografar.






 Belos recantos



Caminhar a belo prazer e a fotógrafa a divertir-se!









Fiquei apaixonada por este tronco


Eu e a Mamy.


A casa da gata, mas não a vi.


Sobe e desce escadas






Portas e janelas para mim são um encanto.




Uma mesa em pedra onde nos podemos sentar e desfrutar a natureza.





Como não tinha chovido não temos uma queda de água majestosa, no entanto devo dizer-vos que quando está cheia é absolutamente linda.









Umas flores para nos alegrarem a alma.




A dona já anda com ele e foi amor à primeira vista ainda ele estava na agulha.